Você está aqui:Blog»Corpo e Rosto»Bambuterapia - História e suas indicações nos tratamentos estéticos
Quarta, 07 Janeiro 2015 07:41

Saiba mais sobre a importância do protetor solar

Escrito por Escrito por Equipe de Gestão de Mídias Sociais - Andrômeda Informática
Avalie este item
(0 votos)

Dermatologista indica passar o protetor solar antes mesmo de vestir o biquíni. Saiba por quê.

Férias, praia, piscina, céu azul, nenhuma nuvem e sol... Muito sol. Uma combinação perfeita. Ou não. Pode ser extremamente desconfortável se não tomarmos os devidos cuidados com a pele. Queimar-se demais, ficar com pele toda ardida, vermelha, doída, sem conseguir achar uma posição para dormir, pode acabar com o verão de muita gente. Veja como evitar tudo isso e passar um verão com a pele tranquilamente saudável. 

Sabemos que a exposição solar pode acarretar uma série de danos à saúde da pele. Por isso, fique atenta às dicas para se proteger do sol.

Qual é o melhor protetor solar? O que significa FPS? E raios UVA e UVB?

UVA e UVB são dois tipos de raios ultravioleta (UV) emitidos pelo sol. O UVA é emitido ao longo de todos os dias e em todas as estações do ano. É o que mais produz manchas, rugas e envelhecimento da pele. Já o UVB tem sua maior intensidade no meio do dia, entre 10 e 16h, e principalmente nos meses de verão. É o que deixa a pele vermelha e queimada. Ambos podem causar câncer de pele.

Garanta um protetor solar que ofereça proteção contra esses dois tipos de raios: UVA e UVB.

Um fotoprotetor de boa qualidade deve proteger também contra a radiação ultravioleta A. Assim, ele deve ter fator de proteção UVA mais amplo, geralmente declarado na embalagem com as siglas PPD/IPD.

Porém, ainda não existe um consenso para classificar e denominar a proteção contra tais raios solares. Por isso, o mais indicado e prático é utilizar um produto cuja embalagem contenha a informação: proteção solar máxima UVA/UVB.

O próximo passo é definir qual é o FPS, ou Fator de Proteção Solar.

O FPS refere-se ao grau de proteção contra o UVB. Quanto maior, maior o grau de proteção. Assim: FPS 15 filtra até 93% do UVB. Já o FPS 30 filtra 96% e o FPS 60 filtra 98%. Como se pode ver, não há muita diferença entre o FPS 30 e o 60. Por isso, a próxima dúvida: qual usar?

Crianças, adolescentes e adultos com a pele muito clara devem ter uma proteção maior. Um protetor com FPS maior ou igual a 30 é o mais indicado.

Adultos com a pele mais escura podem optar por um FPS de 15 ou 20.

Passe o protetor no corpo TODO. Não se esqueça de algumas regiões como a nuca, os pés e o rosto. No rosto pode-se, inclusive, usar um protetor com FPS maior.

Dicas

Antes de vestir o biquíni, é essencial aplicar o protetor solar. É claro que se você passar o produto na praia ele vai protegê-la da mesma maneira, mas ao fazer a aplicação em casa, você garante que ela seja feita da maneira correta e cobrindo todos os pedaços do corpo — até mesmo orelhas e peito dos pés.

A recomendação é aplicá-lo 20 minutos antes da exposição e reaplicá-lo a cada duas horas ou após transpiração intensa e exercícios físicos.

Mesmo os produtos com altos fatores de proteção permitem a passagem de raios ultravioletas em menores quantidades, porém suficientes para o bronzeamento. Não se esqueça de reaplicar a cada duas horas.

Aposte em:

1. Protective Sun Lotion Spray, Cabana Sun - Oferece proteção UVA e UVB, prevenindo contra o envelhecimento.

2. Protetor Solar Facial FPS 50, Cenoura & Bronze - Indicado para o rosto, o colo e as mãos, possui textura leve e toque seco.

Informações adicionais

  • Responsável pela Gestão de Conteúdo: Pegasus Web Solution - Agência de Comunicação, Marketing e Publicidade Digital
Ler 1182 vezes

Itens relacionados (por marcador)

Deixe um comentário

Certifique-se de preencher os campos indicados com (*). Não é permitido código HTML.

Gostou, Curta!

Saúde e Bem Estar