fbpx
Você está aqui:Blog»Dicas de Saúde e Beleza»Depilação nas axilas - Midas Medicina & Estética no Centro RJ
Segunda, 18 Mai 2015 19:39

Acabe com as Estrias Após a Gestação

Avalie este item
(0 votos)

Veja as dicas de tratamentos estéticos e entenda que a batalha não está perdida!

O assunto de hoje é sobre as polêmicas estrias, afinal, elas são um verdadeiro pesadelo na vida das mulheres. Esse problema costuma dar as caras mais durante a gestação, período em que o aumento de peso é muito rápido e constante, lesando as fibras de colágeno e elastina que sustentam a pele.

Esse processo inflamatório, geralmente, aparecem como linhas vermelhas e com o passar do tempo elas vão ficando esbranquiçada, mais largas e enrugadas. Elas podem surgir em diversas partes do corpo como: abdômen, mamas, costas, glúteos e parte interior das coxas. Apesar deste problema parecer não ter solução, há como combater as malvadas.

Veja as dicas de tratamentos estéticos e entenda que a batalha não está perdida!

Carboxiterapia

O que é: Um equipamento que injeta gás carbônico no tecido subcutâneo com o objetivo de dilatar os vasos sanguíneos, causando a inflamação e formação de colágeno. Desta forma, é feito a renovação celular e a produção de novas fibras, camuflando as estrias.

O procedimento: Através de uma agulha fina é injetado CO2 dentro de cada lesão, preenchendo as estrias de dentro para fora. Assim os riscos são apagados.

Sessões: São necessárias, em média, seis a dez. Uma vez por semana.

Doí? As picadas são um pouco dolorida, porém é suportável.

Resultados: O tratamento completo oferece excelentes resultados, com uma melhora bem significativa de até 50%.

Contraindicação: Infecções de pele.

Após o parto quando pode realizar o procedimento? Já de imediato.

Laser CO2 Fracionado

O que é: São feixes de luz que alcançam de maneira profunda as duas camadas da pele (epiderme e derme). Nesse ponto, a energia estimula o aumento da produção de colágeno e elastina, o que acelera o processo de cicatrização do tecido renovando as células.

O procedimento: É aplicado na área tratada um anestésico local, assim, o paciente não sente nenhum desconforto. Em seguida é usado o laser CO2, o infravermelho que faz todo o processo inflamatório.

Sessões: Para obter bons resultados recomenda-se umas três sessões, intervalos a cada 30 dias.

Doí? Apenas um leve desconforto.

Resultados: Dependendo do nível da estria, melhora a textura da pele em até 70%.

Contraindicação: Grávidas, pessoas portadoras de diabetes e com doenças crônicas.

Após o parto quando pode realizar o procedimento? Quando a pessoa estiver restabelecida as atividades.

Dermaroller

O que é: Trata-se de um rolo em formato de um cilíndro, com agulhas de 1,5 mm de profundidade e super fininhas.

O procedimento: Aplica-se um anestésico em creme e em seguida desliza o aparelho em várias direções sobre a área afetada. Essas microagulhas causam microperfurações na pele o que leva a inflamação, fazendo a renovação das fibras de colágeno e oxigenação do tecido. Essas fibras passam a ocupar o local da "antiga estria", preenchendo a pele por outra nova.

Sessões: Em média de seis a oito sessões, quinzenalmente.

Doí? O procedimento é doloroso, porém suportável.

Resultados: As estrias ficam menos aparentes, melhorando a pele esteticamente. Também diminui a flacidez e hidrata o tecido subcutâneo.

Contraindicação: Não se deve realizar o tratamento pessoas com infecções (herpes, foliculite e com algum tipo de alergia).

Após o parto quando pode realizar o procedimento? O ideal é que seja já de imediato.

Atenção: Evite a exposição ao sol durante a realização dos procedimentos.

Informações adicionais

  • Responsável pela Gestão de Conteúdo: Pegasus Web Solution - Agência de Comunicação, Marketing e Publicidade Digital
Ler 2544 vezes

Gostou, Curta!

Saúde e Bem Estar